Uma das causas mais comuns para o fechamento de empresas, é a falta de controle do fluxo de caixa.  

Apesar de ser uma ferramenta básica, muitos empreendedores, especialmente microempreendedores (MEIs) não entendem como funciona e não utilizam no dia a dia. Daí gerando resultados negativos que podem impactar na saúde financeira do negócio e prejudicar parte dos seus processos.  

Para que isso não aconteça, dominar o fluxo de caixa é essencial em um MEI.  

Pensando nisso, elaboramos esse post para que você entenda melhor sobre o fluxo de caixa e saiba desenvolvê-lo no seu MEI. 

Mas o que é fluxo de caixa?  

É definido como uma ferramenta de controle financeiro. Tem como foco registrar todas as entradas e saídas de dinheiro que o MEI recebe e gasta. 

Ou seja, se trata do registro de todas as contas que devem ser pagas e os pagamentos que devem ser recebidos.  

Graças a ele, um MEI tem a noção exata de quanto está gastando e ganhando.  

Como fazer um fluxo de caixa sendo MEI?  

  • Divida as entradas e saídas 
  • Seja o mais específico possível 
  • Analise os resultados 
0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *